Operação conjunta prende suspeito de atirar contra mãe que entrou na frente de disparos para proteger filho

Nesta quinta-feira (4/7), uma operação conjunta entre a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) e a Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) resultou na prisão de um indivíduo, de 30 anos, investigado por atirar em uma mulher que se jogou na frente dos disparos para defender seu filho durante um desentendimento em Barbacena. Durante uma discussão entre os envolvidos, no bairro Santo Antônio, o investigado sacou uma arma e efetuou disparos contra o filho da vítima.

Continua após a publicidade..

Para protegê-lo, a mulher, de 50 anos, entrou na frente dos tiros, sendo atingida na perna. O filho da vítima não foi alvejado. Após a PCMG ter feito pedido da prisão do suspeito, através de um trabalho conjunto entre as polícias, policiais militares conseguiram localizar e prender o investigado, no bairro Pontilhão, enquanto tentava fugir em um veículo Ford Fiesta.

As investigações prosseguem com objetivo de concluir a apuração do crime e localizar a arma usada no crime. O indivíduo, que também é investigado por tráfico de drogas, foi preso pela dupla tentativa de homicídio e encaminhado ao sistema prisional, onde permanece à disposição da Justiça.

PUBLICIDADE