Basílica resgata procissão luminosa instituída por monsenhor Hermenegildo

O Dia do Imaculado Coração de Maria foi comemorado no sábado, 29/06, na Basílica do Sagrado Coração de Jesus, em Conselheiro Lafaiete. Os fiéis lotaram a igreja para a celebração presidida pelo padre Marcos Macário Mendes.

A celebração foi presidida pelo padre Marcos Macário. Foto: Reprodução Web TV Congonhas.

Em sua homilia, o pároco da basílica lembrou Maria recebeu o título de Imaculada Conceição que segundo ele, revela um coração sem macha, puro e marcado por Deus para ser o instrumento favorável pela qual veio o Divino Salvador. “Venerá-la sob esse título de Imaculado Coração significa também a confirmação da nossa fé de que nós cremos na grandeza, na beleza, na pureza de Maria na sua concepção”, disse padre Marcos Macário.

Após a celebração, houve uma procissão luminosa que conduziu a imagem do Imaculado Coração de Maria pelas ruas, acompanhada por uma multidão de fiéis. A procissão é um resgate de uma antiga tradição instituída na paróquia por monsenhor Hermenegildo Adami de Carvalho, falecido em 1994.

Nos tempos em que foi pároco do santuário, atual basílica, monsenhor Hermenegildo sempre incentivou a realização da procissão luminosa em honra ao Imaculado Coração de Maria. Ele incentivava os fiéis e principalmente os jovens a prepararem tochas confeccionadas com bambu para participar da procissão.

Mesmo com a dificuldade de se encontrar bambu para produzir uma tocha nos dias de hoje, a procissão luminosa foi brilhantemente realizada. Com velas na mão ou amparadas em copos plásticos e parte de garrafas pet, os fiéis iluminaram todo o percurso da procissão que terminou na basílica com a Consagração a Nossa Senhora.

Encerramento das festividades

Neste domingo, 30/06, a basílica encerra as festividades em honra ao Sagrado Coração de Jesus. Haverá missa às 6h30, 8h e 10h.

Às 17h, haverá a procissão com a imagem do Sagrado Coração de Jesus pelas ruas e logo após acontecerá a celebração eucarística que encerrará as festividades.