Polícia apreende menor suspeito de participar do assassinato do motorista de Uber

A Policia Civil apreendeu um menor suspeito de participar do assassinato do motorista de Uber que estava desaparecido desde o sábado, 02/03. Natural da cidade de Lamim, Luiz Gustavo da Silva, 31 anos, popularmente conhecido como “Dudu”, teve o seu corpo encontrado na manhã desta segunda-feira, 04/03, em Igarapé, na região metropolitana de Belo Horizonte.

Na sexta-feira, 1º/03, o motorista recebeu uma chamada em casa para uma corrida e por volta das 3h, do dia seguinte o seu carro foi encontrado. O menor de 14 anos que foi identificado por meio de pesquisas da última corrida feita por Luiz Gustavo, assumiu o roubo, mas nega a participação no assassinato do motorista. Ele disse aos policiais onde estava o corpo encontrado as margens do rio Paraopeba.

O corpo de Luiz Gustavo foi encontrado com os pés e as mãos amarrados e com um ferimento na cabeça. A suspeita que o motorista tenha sido assassinado a pedradas ou lançado a rio abaixo e morreu na queda.

A polícia trabalha com a hipótese de crime de latrocínio, roubo seguido de morte. Outros dois suspeitos estão sendo procurados.

Nota

A Uber lamenta profundamente que os cidadãos sofram com a violência e brutalidade que permeiam nossa sociedade. Prestamos toda nossa solidariedade à família de Luiz Gustavo neste momento tão difícil. A empresa está à disposição para colaborar com as investigações, na forma da lei, e esperamos que as autoridades tragam o responsável à justiça o mais rápido possível.

Fonte: Rádio Itatiaia