Relaxamento da população faz Congonhas não avançar para Onda Verde

A Prefeitura de Congonhas ainda não publicou decreto avançando a cidade para a Onda Verde do programa Minas Consciente. Um dos motivos para o município continuar na Onda Vermelha é que parte da população não vem atendendo aos protocolos de biossegurança para o combate da transmissão do novo coronavírus, causador da Covid-19.

Congonhas continua na Onda Vermelha do plano Minas Consciente.

Essa é também a preocupação dos técnicos do Comitê de Operações Especiais – COE, órgão que avalia semanalmente os dados relacionados a pandemia e direciona as ações no Município. Em reunião na manhã na quinta-feira, 02/09, os dados epidemiológicos apresentados reforçam a necessidade de cuidados.

De acordo com o boletim, a taxa de transmissão dos últimos 7 dias aumentou em 1,17 (quando 100 pessoas transmitem para 117), sendo que a média de casos confirmados é de 7,71. Isso gerou um aumento de 14,81% de pessoas confirmadas com a doença.  As faixas etárias com maior número de casos confirmados e que mais transmitem a Covid-19 são de pessoas de 20 a 29 anos (18,8%), 30 a 39 (24,0%), 40 a 49 (19,1%). Somadas as idades, estas pessoas são responsáveis por mais de 60% dos casos atualmente.

O dado alarmante é que as pessoas que mais têm morrido pelo novo coronavírus estão na faixa de idade acima dos 60 anos, 67,3%. Ou seja, os mais novos contaminam os mais velhos levando-os a óbito. Os locais com maior número de contaminados em Congonhas são o Jardim Profeta e Centro, respectivamente.

A Secretaria Municipal de Saúde orienta que não é momento de relaxar. A prática correta das medidas sanitárias estabelecidas pelos protocolos é que podem fazer o vírus diminuir sua circulação. A vacina é um dos meios de prevenção, mas ela não impede que a pessoa imunizada se contamine e passe a doença para outras pessoas. Assim, fica o apelo para que a população faça a sua parte, usando corretamente a máscara, cobrindo o nariz e a boca, e evitando aglomerações. Cuidar do outro é também um exercício de cidadania.